Futuro substituto do Agile, o o sapinho com boca de crocodilo, no Brasil já no ano que vem, o Spark (até no nome parece um bulldog) poderá ser (aqui e aqui) o próximo eléctrico da GM.

Nenhum detalhe foi sequer aventado, mas a quase certeza é de que o sucesso do Volt abriu o apetite da marca pelos híbridos e eléctricos, e a plataforma razoavelmente moderna do Spark será aproveitada para um compacto plug-in, especula-se que eléctrico puro.

Para quem estava no mundo da lua, ou simplesmente não conhece do ramo, o Spark (ver aqui e aqui) é um subcompacto que merece o nome, tem quinze centímetros a menos do que o Celta, que também dirá tchau quando ele chegar, e mais ou menos a altura do Fox. Cheio de vincos e com cara de pókemon, o Spark já é vendido na Argentina (aqui) pelo equivalente a R$ 28.900,00, cerca de dez mil a menos do que deverá custar por aqui… Um degrau acima do Agile, que lá custa o equivalente a R$ 24.101,00… Em ambos os casos, modelos básicos com muito mais recheio do que os nossos, o Spark entrega ar, direção, air bag duplo, abs, faróis de neblina, autofalantes, entrada para MP3 e outros quetais, que por aqui acresceriam ao preço… Deixa pra lá.

Apesar do desenho controverso, especialmente os faróis enormes, ele tem suas virtudes, como o espaço interno de uma minivan com o tamanho de um mini bugue, vinte quilômetros por litro em boas condições que quase nenhuma estrada brasileira tem, e uma estrutura com boa rigidez torcional, para compensar a altura.

A previsão é que o Spark (faísca em inglês) justifique seu nome já em fins de 2013, no máximo, o que dá uma idéia do que a GM é capaz de fazer e simplesmente empurrava com a barriga, enquanto o risco de falência estava distante; ela e quase todas as outras, diga-se de passagem.

Brasil? Talvez. A Renault-Nissan não está mostrando as unhas mesmo com a taxação extorsiva? O próprio Voltxpedition (aqui) não tem cara escancarada de marketing passando-mel-na-boca? Se virem concessionárias com Sparks plug-in em suas frotas, não se assustem, será para atiçar a clientela.

P.S: Este vídeo foi publicado ontem!

Anúncios